24 de mar de 2012

Queremos ver Jesus

                                     Júlio Lázaro Torma* 
   Estamos no V Domingo da Quaresma,onde estamos nos aproximando da Grande Semana,da Grande Festa da Páscoa da Ressurreição do Senhor.Somos chamados a meditar,sobre a pessoa de Jesus Cristo.Quem é Jesus? e qual é a imagem que temos dele e fazemos dele?
  O Evangelista João, conta que na véspera da Festa da Páscoa, quando Jesus entra triunfalmente em Jerusalém havia,alguns gregos,que haviam ido adorar o " Deus de Israel",durante a Festa.
  E que se aproximaram de Felipe e pedem:" Senhor, queremos ver Jesus".Felipe o conduz a André.Então André e Felipe os conduzem ao Senhor.
  Os gregos eram designados todos os estrangeiros á etnia israelita,muitos deles tinham adotados a religião judaica.
  A comunidade joanina,como a comunidade de Mateus, vive o dilema de se abrir aos outros,sair de si ( isolados por medo,da perseguição), e abraçar todos os povos e culturas.
Ser uma Igreja Missionária e que acolha o outro,sem fazer distinção de nacionalidade e cultura.
  " Ver Jesus" é o anseio mais profundo do coração humano,mesmo sem o saber;Jesus,Deus manifesta-se aos que o procuram e lhes oferece a vida em plenitude.
  " Queremos ver Jesus",pediram os gregos a Felipe e André,que já estavam com Jesus.Os dois apóstolos não frustram a busca daquelas pessoas, e levaram-nas a Jesus, que lhes manifestou a glória de Deus.(1)
  Como escrevia os Padres da Igreja São Justino,Clemente de Alexandria,de que em todas as culturas encontramos as " sementes do Verbo", que " ilumina todo o homem"( Jo 1,9).
  O ser humano tem o desejo ardente de encontrar e ver Jesus,conhecer a sua mensagem de Amor.Ao olharmos Jesus vemos que Ele atrai todas as pessoas a si e a si mensagem de amor e libertação.
  Como cristãos " discípulos e missionários",devemos mostrar Jesus, aqueles e aquelas que " querem ver Jesus",fazer a experiência pessoal e comunitária, com Ele.
  Como um dia Ele nos atraiu-a si, fizemos está experiência pessoal e comunitária;não devemos nos fechar aos outros e nem " privatiza-lo", como sendo propriedade absolutamente nossa e cairmos no guetismo.
  Ou  do outro lado impôs nos outros a nossa fé,fazer proselitismo,forçar o outro a braçar a fé e condena-los,se não abraçar a nossa forma de fé.
  Durante a sua vida pública e terrena,Jesus jamais forçou ninguém a segui-lo, mesmo os samaritanos que não o acolheu,ele não os destruiu como queria alguns discípulos( Lc 9,51-56).
  Assim como Jesus não força ninguém a nada,mas atrai a si todos os homens e mulheres,sem distinção de classe social,ideologias partidárias,filosóficas,étnicas,culturas,nacionalidades e orientação sexual.
  " A Igreja não faz proselitismo.Ela cresce muito mais por " atração";como Cristo " atrai todos a si" com a força do seu amor,que culminou no sacrifício da Cruz,assim a Igreja cumpre a sua missão á medida que associada a Cristo,cumpre a sua obra,conformando-se em Espírito e concretamente com a caridade do seu Senhor"( Homilia de Bento XVI).(2)
  Como " discípulos e missionários",devemos acolher aqueles que querem como os outrora gregos,que " queriam ver Jesus',fazer a sua experiência de ouvir e praticar a sua Palavra que é Vida para todos.
  Devemos em nossas comunidades estar abertos,acolher aqueles que são atraídos por Jesus que é " O Caminho,Verdade e a Vida". Que como nós que um dia fomos chamados, atraídos livremente a segui-lo,desejam segui-lo.
  Como ele mesmo nos diz" Se alguém quer servir a Mim, que me siga".E nem devemos ter ciúmes do outro que chega,se será melhor do que eu na comunidade,para Cristo todos nós somos iguais.
                     
Oração das Santas Missões Populares
            Senhor,queremos ver Jesus, porque Ele é o Caminho,a Verdade e a Vida
           - Queremos ver Jesus na Palavra de Deus,ouvida e praticada ( Lc 8,21)
           - Queremos ver Jesus na Celebração da Eucaristia, como os discípulos de  Emaús ( Lc 24,35)
           - Queremos ver Jesus no amor dos irmãos e em todas as pessoas especialmente nos mais pobres( Mt 25,40)
           Maria,Mãe de Guadalupe, ajuda-nos a ver Jesus nas Santas Missões Populares, para que todos nós sejamos missionários do teu Filho, na graça do Espírito Santo. Amém.
                         
Jo 12,20-33
  (1) CNBB: Projeto Nacional de Evangelização ( 2004-2007), Doc nº 72
  (2) Bento XVI : Homilia na Missa de Abertura da V Conferência do Episcopado Latino-Americano, em Aparecida, 13 de Maio de 2007
  Oração das Santas Missões Populares da Diocese de Pelotas ( 2005-2007)
_____________________________________
  * Membro da Equipe da Pastoral Operária da Arquidiocese de Pelotas/ RS

Nenhum comentário: